Alimentos pré-treino: saiba o que comer antes de se exercitar

0
382

Alimentos pré-treino: saiba o que comer antes de se exercitar

É importante incluir na dieta pré-treino alimentos ricos em proteína e carboidratos de baixo índice glicêmico.

Os alimentos pré-treino compõem uma das refeições mais importantes de quem pratica atividade física, pois fornecem energia necessária para que o corpo tenha um bom desempenho durante e após o exercício.

Antes de começar a se movimentar, é importante consumir alimentos ricos em proteína, que ajudam tanto a prevenir lesões do músculo quanto no aumento da massa muscular.

Os carboidratos também são ótimos alimentos pré-treino, pois são fonte de glicose, que irá manter a energia para completar os exercícios. Desse modo, o organismo não precisa usar proteína muscular para obter energia, preservando, assim, a massa muscular.

Mas não é qualquer carboidrato que entra na lista de alimento pré-treino. É importante que eles sejam sempre de baixo índice glicêmico, para garantir uma libertação gradual de energia e, consequentemente, de insulina, prevenindo uma possível hipoglicemia e fraqueza durante a atividade.

Quanto mais alto o índice glicêmico, mais rápido eles elevam o nível de glicose no sangue e se transformam em energia para o corpo. O problema é que isso pode sobrecarregar o pâncreas, dificultando a oxidação das gorduras e atrapalhando o metabolismo e o rendimento físico.

 

Quando consumir os alimentos pré-treino

O ideal é consumir os alimentos pré-treino cerca de uma hora antes de começar a atividade física. Não inicie o exercício se você estiver em jejum há mais de 2h30. Coma, espere um tempo para a digestão e depois siga a prática do esporte para ter o melhor rendimento possível.

Alimentos pré-treino

Separamos sugestões de alimentos pré-treino para você comer antes de se exercitar. Uma dica é fazer combinações entre eles, como o arroz e os ovos, para garantir os nutrientes completos.

Outro item que não pode ficar de fora antes – nem durante ou depois – do treino é a água. A desidratação afeta tanto o desempenho durante o exercício quando a recuperação muscular.

1.Banana

Rica em carboidratos e potássio (responsável, entre outras coisas, pelo relaxamento muscular e regulação das atividades neuromusculares), além de possuir também vitamina B6 e magnésio, mineral importante para a manutenção dos ossos e equilíbrio de cálcio, potássio e sódio.

2.Aveia

Excelente fonte de carboidratos de baixo índice glicêmico, rica em proteínas e fibras. Aliada a uma fruta é uma boa sugestão pré-treino.

3.Arroz integral

Se a refeição pré-treino for o almoço ou jantar, vale consumir algumas colheres de arroz integral, fonte de carboidratos de rápida absorção. Junte alguma proteína magra como o peito de frango para deixar o prato mais completo.

  1. Batata-doce

Rica em carboidratos complexos, possui baixíssima quantidade de gordura e contém vitaminas C e do complexo B (principalmente B6), além de ferro, potássio, cálcio e fósforo.

  1. Salada de frutas

Uma mistura de frutas naturais fornece hidratação, energia, vitaminas e minerais. Vale acrescentar cereais, mel e granola.

6.Pão integral

Fonte de carboidratos e fibras, o pão integral, quando associado a uma fonte de proteína como queijo branco ou peito de frango, é uma opção rápida e fácil para um lanche natural e saudável.

7.Castanhas

As castanhas têm vitamina E, selênio (antioxidante) e ômega 3 (anti-inflamatório), por isso não podem faltar no cardápio pré-treino.

8.Tapioca

A tapioca é um carboidrato de fácil digestão que fornece energia para o corpo e baixo índice glicêmico quando associada a uma proteína. Pode rechear com ovos mexidos ou queijo branco.

O que não comer antes do treino

Evite bebidas alcoólicas, alimentos ricos em gordura ou fibras pelo menos nas três horas que antecedem o treino.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here