Dicas de como regular a menstruação

0
366

Dicas de como regular a menstruação

A menstruação irregular é um dos medos das mulheres, já que pode indicar alguma doença. Geralmente, o ciclo menstrual dura 28 dias, com margem de até 7 dias antes ou até 7 dias depois.

A menstruação irregular é aquela que os ciclos menstruais não seguem o padrão habitual todos os meses. As primeiras menstruações da mulher (na adolescência) e últimas (na menopausa) geralmente são irregulares. Mas não é normal que essa irregularidade se repita com frequência em outros períodos. 

Veja aqui as causas mais frequentes de irregularidade no ciclo menstrual e como regular a menstruação.

Fases do ciclo menstrual

Há 2 fases do ciclo: a folicular, caracterizada pela chegada da menstruação, e a ovular, na qual ocorre a ovulação e a mulher se torna capaz de ficar grávida.

A ovulação acontece normalmente no 14º dia do ciclo, aumentando os níveis de progesterona e o endométrio transformando-se para receber o óvulo fertilizado. Caso não haja fecundação, os níveis de progesterona caem e o endométrio descama, dando início à menstruação.

Quem coordena a liberação dos hormônios, ou seja, o ciclo menstrual, é o cérebro através de seu eixo hipotálamo-hipófise-ovário. 

Tipos de irregularidades na menstruação

Quanto ao tempo:

1-Amenorréia

Ausência da menstruação por um período superior a três meses ou a falta de sangramento até 14 a 16 anos.

2- Polimenorréia

O ciclo menstrual é muito curto, com menos de 21 dias.

3-Oligomenorréia

Os intervalos dos ciclos são maiores que 40 dias. 

Quanto à quantidade de sangue perdido:

1- Menometrorragia

Sangramento intenso tanto no período menstrual quanto fora dele. 

2- Hipomenorréia

Diminuição do fluxo sanguíneo menstrual com duração inferior a 3 dias e/ou quantidade inferior a 30ml.

3- Hipermenorréia ou menorragia

Sangramento abundante com duração de mais de 8 dias e/ou quantidade excessiva de mais que 80ml.

4- Metrorragia 

Sangramento fora do período menstrual.

Se algumas dessas alterações persistirem, procure seu ginecologista para investigação e tratamento.

Causas de irregularidades no ciclo menstrual

  • Amamentação;
  • Alterações hormonais originadas de doenças, tais como hipotireoidismo e hipertireoidismo;
  • Estresse;
  • Ovários policísticos;
  • Tumores de útero, como pólipos, miomas e câncer;
  • Uso de DIU (dispositivo intrauterino);
  • Endometriose;
  • Processos inflamatórios ginecológicos, como cervicites e salpingites;
  • Prática de exercícios físicos de forma exagerada;
  • Hiperplasia endometrial;
  • Uso de pílulas anticoncepcionais e certos medicamentos antidepressivos, anti- hipertensivos e antialérgicos;
  • Alcoolismo; 
  • Pouca ou muita massa corporal;
  • Tumores de ovário;
  • Mudança de fuso horário;

Diagnóstico

O diagnóstico é feito pelos sintomas apresentados, que, além das alterações menstruais, podem estar associados com dor, secreções vaginais, mudança de humor, falta de libido, fraqueza, infertilidade e problemas urinários.

Alguns exames podem ser realizados para esclarecimento diagnóstico como: Papanicolau,colposcopia,ultrassonografia transvaginal, biópsias, EAS hemograma completo, coagulograma e  dosagens hormonais.

Como regular a menstruação

Primeiramente, deve-se chegar à causa do problema para saber como regular a menstruação, conforme o caso.

Alguns dos tratamentos conhecidos:

  • Terapia hormonal com anticoncepcionais

São os medicamentos mais usados para regular a menstruação. Eficazes nos miomas uterinos, na endometriose, na síndrome dos ovários policísticos. Exemplos: Ciclo 21, Duphaston e Perluta.

  • Medicamentos reguladores da tireóide

Para as mulheres com distúrbios da tireóide.

  • Ácido tranexâmico

Antifibrinolítico, usado para tratamento de sangramentos, para regular a menstruação com fluxo intenso.

  • Anti-inflamatórios

Muito usados nos miomas, adenomiose (presença de endométrio dentro do miométrio)

  • Atividade física regular

O exercício libera endorfinas, que têm ação sobre os hormônios sexuais e, com isso, ajuda a regular a menstruação. 

  • Chás

Para regular a menstruação, podem ser utilizadas ervas, como canela, orégano, pé-de-leão (ou alquemila), casca de carvalho.

  • Cirurgia

Indicada nos casos mais graves.

  • Alimentação saudável

Procure se alimentar de nutrientes que contribuem para o funcionamento da enzima aromatase, responsável pelo equilíbrio dos estrogênios, como frutas vermelhas e vegetais coloridos.

Mantenha-se sempre no seu peso ideal. Se você menstrua com perda acentuada de sangue, fale com o seu médico, você pode estar anêmica e talvez até necessitando de transfusão sanguínea.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here