Veja quais são as 10 doenças do coração mais comuns

0
361

Veja quais são as 10 doenças do coração mais comuns
Fatores genéticos, sedentarismo, obesidade, tabagismo e álcool podem estar colocando seu coração em risco.
Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), as doenças do coração são a principal causa de morte em todo o mundo. Só no Brasil, elas correspondem a mais de 300 mil óbitos por ano. Isso explica por que vemos tantos alertas sobre a importância de cuidar do coração, não é?

A genética é apenas um dos fatores que desencadeiam as doenças do coração, mas boa parte delas surge de maus hábitos como sedentarismo, sobrepeso e obesidade, hipertensão, diabetes e tabagismo.

Apesar de ser o músculo mais forte do corpo, o coração pode estar pedindo ajuda e você nem sabe. Por isso é tão importante manter uma alimentação saudável, com baixa ingestão de gordura e açúcar, praticar exercício físico e fazer exames médicos periodicamente.

As doenças do coração mais comuns
1. Miocardite
É a inflamação do miocárdio, um músculo do coração, geralmente provocada por infecções por vírus, bactérias, protozoários ou fungos, uso de medicamentos, doenças autoimunes e consumo exagerado de álcool ou drogas. Quase não apresenta sintomas enquanto reduz a capacidade do coração de bombear sangue.

2.Aneurisma da aorta abdominal
Essa é uma doença do coração silenciosa e, por isso, diagnosticada em exames de rotina. É uma dilatação na parte da aorta que passa pelo abdômen e preenchida com sangue. O perigo está no risco de que, com o tempo, essa dilatação enfraqueça e se rompa, levando a uma hemorragia interna.

3.Angina
A angina não é bem uma das doenças do coração, mas um sintoma de que algo não está bem. É uma dor forte ou desconforto no centro do peito, causada pela interrupção parcial da passagem do sangue para o coração. Geralmente vem acompanhada de outros sintomas como pressão, aperto ou queimação acima do tórax e dor nos braços, costas, pescoço ou mandíbulas.

4.Ataque cardíaco
Também chamado de infarto agudo do miocárdio, é causado pela falta de sangue e oxigênio no coração por causa de uma obstrução da artéria coronária. Os principais sintomas são dor no peito, sudorese, falta de ar e mal estar súbito. Ao menor sinal de qualquer um desses, a recomendação é seguir imediatamente para o hospital, pois o risco de morte aumenta 10% a cada minuto.

5. Arritmia
É um distúrbio do batimento ou do ritmo do coração, quando ele fica mais rápido (taquicardia), mais lento (bradicardia) ou irregular. As causas estão relacionadas a ataque cardíaco, cardiomiopatia, artérias bloqueadas, hipertensão, diabetes, hipertireoidismo, fumo, alcoolismo, consumo exagerado de cafeína, uso de drogas em geral e estresse.

6. Cardiopatia congênita
É uma má formação do coração durante o desenvolvimento do feto, ainda na gestação. Afeta, em média, uma em cada 100 crianças.

7.Endocardite
É uma infecção no endocárdio, o revestimento interno do coração, por isso também é conhecida como infecção valvular. É provocada por bactérias ou germes que viajam pelo corpo através da corrente sanguínea e chegam a áreas do coração já afetadas por outras doenças cardiovasculares. Os principais sintomas são febre e calafrios, fadiga, dor nos músculos e articulações, sudorese noturna, respiração curta, palidez e tosse persistente.

8. Doença vascular periférica
É uma das doenças do coração cujos sintomas não são sentidos diretamente no peito. Ela é causada pelo acúmulo de gordura nas artérias periféricas, nos braços e nas pernas, levando à redução ou obstrução total do fluxo sanguíneo. Entre os sintomas estão dores, dormência e queda de temperatura nos membros.

9. Insuficiência cardíaca
É quando o coração está fraco demais para bombear o sangue para o resto do corpo. Ela se manifesta de duas formas: quando o músculo não tem forças para bombear ou ejetar o sangue para fora do coração (sistólica) ou quando o músculo cardíaco enrijece e não se enche de sangue (diastólica). Essa é uma das doenças do coração que se desenvolvem ao longo dos anos, por isso, quanto antes diagnosticada através de exames de rotina, mais fácil e rápido será o tratamento.

10.Tumores no coração.
Todo tipo de crescimento celular anormal no coração é considerado um tumor, que pode ser benigno ou maligno. A maior parte desses tumores não apresentam sintomas no início, mas levam a outras doenças do coração, algumas fatais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here