Gravidez anembrionária dura quantas semanas? Tudo sobre o “ovo cego”

0
2645

Gravidez anembrionária dura quantas semanas? Tudo sobre o “ovo cego”

Gravidez sem bebê existe e pode ser um processo muito difícil para algumas mulheres. Entenda como ela ocorre e quanto tempo pode durar.

Gravidez anembrionária dura quantas semanas e como funciona? Se você está pesquisando isso é porque provavelmente acaba de passar pelo cenário abaixo.

Você tem todos os sintomas, faz os exames e é positivo. Vem a festa, a comemoração e os primeiros presentes. Até que ao fazer a primeira ecografia percebe que não há embrião. A gravidez anembrionária, ou o chamado “ovo cego”, pode acontecer com qualquer mulher.

Não é a mesma coisa que uma gravidez psicológica. A gravidez sem embrião passa pelos mesmos processos e etapas que uma gestação qualquer. Há a fecundação, porém, é aí que ocorre o problema.

Na divisão celular, forma-se apenas o saco gestacional, caracterizando uma gravidez anembrionária. Dura quantas semanas? Se não diagnosticado, pode durar até seis semanas.

Gravidez anembrionária dura quantas semanas e como resolver?

Hoje em dia são poucas as mulheres no Brasil que não fazem o pré-natal. E é por coisas como essa que ele é tão importante. Durante essa bateria de exames que você faz logo ao descobrir que está grávida é que saberá se há algo de errado ou não com a sua gestação.

A melhor forma de diagnóstico da gravidez anembrionária é através da ecografia. É durante esse exame que se pode ver a formação apenas do saco gestacional, sem a presença do feto ou embrião.

Gravidez anembrionária: causas

As causas desse problema são genéticas e ocorrem durante a fecundação. Quando o óvulo e o espermatozóide se encontram, e o corpo detecta que há algo de errado com algum deles, a divisão celular é interrompida e só se forma o saco amniótico.

Na maioria das vezes é uma reação do seu próprio corpo a fim de impedir uma gravidez problemática. Por isso, não se preocupe, não é nada que você tenha feito de errado. E muito menos algo que possa impedir uma nova gestação saudável.

E em boa parte dos casos o aborto espontâneo ocorre logo em seguida. Muitas mulheres nem se quer notam que estavam grávidas e assumem o sangramento como um período menstrual irregular.

No entanto, algumas não sofrem o aborto, fazendo com que a gravidez prossiga por mais um tempo. A gravidez anembrionária dura quantas semanas, então? Pode durar entre uma e seis semanas, como falamos. Sendo que se o aborto não ocorrer de forma natural, será preciso fazer uma curetagem.

Gravidez anembrionária: sintomas

Em um primeiro momento, os sintomas são idênticos aos da gestação saudável. Você terá o atraso menstrual, os enjoos, o corrimento e outros sinais. Os seus níveis de beta-HCG também irão subir, por isso os seus exames de sangue e urina indicaram positiva a gravidez.

O que acontece é que depois de algumas semanas você sofre o aborto. Ou ao realizar a primeira ecografia descobre que tem o saco vazio. Em ambos os casos é preciso que haja um acompanhamento médico adequado, já que o seu corpo precisará de um tempo médio para se recuperar.

Quanto tempo depois da gravidez anembrionária posso engravidar?

O mais indicado pelos médicos é esperar pelo menos seis meses. Isso porque o seu corpo se preparou para uma gravidez que não ocorreu. E será preciso um processo para ele voltar ao normal.

Também pode acontecer de demorar um tempo para que se regularize o ciclo menstrual, por causa da alta produção hormonal. Durante esse período, é comum que o médico obstetra prescreva suplementos de ácido fólico.

Vale lembrar também que até 20% das primeiras gestações no Brasil não se desenvolvem até o final.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here