0
286

Queda de cabelo: o que fazer e causas

Nas mulheres, a queda de cabelo costuma ser notada pela quantidade de fios que se acumulam na escova depois de se pentear. Preocupação, stress, desequilíbrio hormonal e tratamentos como a quimioterapia podem estar relacionados com essa condição. Saiba o que causa a queda de cabelo, o que fazer e como tratar este problema.

Causas da queda de cabelo e o que fazer

Pense num jardim. Agora, pense no gramado que cresce sobre ele. Se estiver saudável, é porque as coisas debaixo da terra também estão. Se não, algo pode estar errado nas raízes. Com o cabelo acontece a mesma coisa: se ele cai desde a raiz, algo está errado no folículo capilar. Algumas causas podem ser:

Quimioterapia

Tratamentos como a quimioterapia destroem as células cancerígenas, mas também podem enfraquecer as células responsáveis pelos folículos pilosos. Além da queda de cabelos, nesse tipo de tratamento também podem se perder pelos do corpo.

O que fazer: embora os cabelos sejam um atrativo importante para a maioria das mulheres, também é possível enxergar a própria beleza quando eventualmente eles se vão. O melhor a fazer, nesse caso, é trabalhar a auto-estima, que pode contribuir significativamente para o seu tratamento. ONGs como a Cabelegria distribuem gratuitamente perucas para pacientes em quimioterapia, bastando apresentar documento de identificação e cópia do laudo médico.

Stress

Pode até parecer superficial, mas o stress vai muito além da irritação: pode desencadear a produção do hormônio androgeno, tipicamente masculino, que está envolvido na queda de cabelo em homens. Outra consequência do stress é a alimentação inadequada, mais um fator que pode contribuir para a queda de cabelo.

O que fazer: procure um médico para relatar a situação ou tente encontrar alternativas para relaxar na rotina. Técnicas de relaxamento, ioga e psicoterapia podem ajudá-la a lidar com a gestão dos seus sentimentos e levar uma vida mais leve. Caso sejam prescritos, medicamentos podem ajudar a melhorar o humor, mas é você quem trabalha para combater os demais sintomas. 

Genética

Filho de pai careca é ou será careca. E você sabia que as filhas também? A calvície feminina é uma condição imperceptível, mas existe. O que acontece é que, ao longo do tempo, os folículos pilosos ficam entupidos com sebo, que derruba os cabelos saudáveis e impede o crescimento de novos. As mulheres idosas com cabelo ralo geralmente são filhas de carecas.

O que fazer: seu médico pode prescrever tratamentos com Minoxidil ou Finasterida que podem mexer com o seu apetite sexual. Se optar pelas vias naturais, a babosa (aloe vera) é um tratamento interessante.

Hormônios

Os hormônios desempenham um papel preponderante no crescimento de cabelos. Se algo não estiver bem com eles, você irá perceber pela quantidade de fios que caem na escova. Basicamente, o estrogêneo é o hormônio feminino, amigo do seu cabelo – se ele estiver em baixa, pode afetar o crescimento de novos fios e a manutenção dos que já estão lá. O androgêneo, masculino, é o que provoca a queda e a formação de sebo nos poros. Se qualquer ou os dois hormônios estiverem desequilibrados, ocorre a queda de cabelo.

O que fazer: converse com o seu endrocrinologista e faça exames para saber se há algo errado com seus hormônios. Caso haja, tratamentos de reposição hormonal podem ajudar.

Hipotireoidiosmo e hipertireoidismo

A glândula tireoide regula o metabolismo do corpo e controla a produção de proteínas e o uso do oxigênio. Qualquer descompensação nesse sistema pode afetar a produção de cabelos e causar anemia, outro fator que desencadeia a queda dos fios.

O que fazer: em primeiro lugar, tratar a regulação da glândula tireoide com medicamentos que devem ser prescritos pelo seu médico. Aproveite para verificar se também tem anemia e passe a incluir mais ferro na sua dieta.

Perda de peso

Enquanto o cabelo é muito importante para as mulheres psicologicamente, na parte fisiológica ocorre o inverso. Quando há uma perda de peso excessiva e desenfreada, o corpo decide enxugar o gasto energético e um dos primeiros cortes que faz é na produção de… cabelo! É por isso que adotar uma dieta para emagrecer com saúde é crucial para a saúde do corpo e também para a vaidade.

O que fazer: pode ser que o seu corpo tenha perdido muitos nutrientes junto com os quilos que eliminou. A partir de agora, adote uma dieta balanceada e inclua todos os nutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo.

Deficiência em vitamina B12

Além de ter queda de cabelo, você já se sentiu muito cansada, sem energia para nada? Isso pode ser um sinal de falta de vitamina B12 no seu corpo. Uma vez que a vitamina B12 atua no transporte de oxigênio pelos glóbulos vermelhos nos tecidos, a falta dela pode ocasionar a perda de cabelo ou a demora para que novos fios cresçam – e aí aparecem as falhas.

O que fazer: a deficiência dessa vitamina é comum em vegetarianas e veganas porque a B12 é obtida a partir da proteína animal. Se comer carne ou derivados de animais for contra os seus princípios, talvez seja necessário fazer uma suplementação alimentar com complexos vitamínicos em cápsulas.

Esclareceu suas dúvidas sobre queda de cabelo, o que fazer e quais são as principais causas desse problema que atormenta muitas mulheres? Esperamos ter ajudado a resolver essa questão e não se esqueça de conversar com o seu médico para examinar melhor e procurar o melhor tratamento. Boa sorte!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here