Teste de gravidez caseiro funciona? Veja mitos e verdades

0
680

Teste de gravidez caseiro funciona? Veja mitos e verdades 

O teste de gravidez caseiro é uma maneira acessível de saber se está grávida com privacidade. Qualquer pessoa pode fazer o teste e as instruções são bem simples.

Entretanto, existe na web uma infinidade de testes cuja eficácia é questionável e não fazem nada senão preocupar as mulheres. Veja as melhores maneiras de fazer um teste de gravidez caseiro e saiba por que os testes “faça você mesma” não são nada recomendados.

Teste de gravidez caseiro de farmácia

Entre os testes de gravidez caseiros, o único que tem sua eficácia comprovada é o teste de farmácia. Costuma ter preços acessíveis e a maneira de realizá-los é bem simples, bastando posicionar a ponteira do teste na direção do jato de urina. O resultado fica pronto após 10 minutos.

Os testes de gravidez caseiros de farmácia parecem um termômetro digital. De um lado têm uma tampinha que deve ser retirada e posicionada abaixo do jato de urina. Do outro, um visor (que não pode ser molhado!) indica o resultado do teste. O mecanismo é simples: dentro do teste, existe uma fita com anticorpos do hormônio hCG, produzido apenas pelas gestantes. Eles atuam como reagentes e “pintam” uma fita a mais no visor quando há presença desse hormônio na urina.

Os fabricantes indicam que há confiança de 95% a 99% dos casos, uma vez que podem indicar um resultado negativo em mulheres grávidas, quando o atraso na menstruação ainda não ocorreu. Por isso é indicado utilizá-lo a partir de um dia após o atraso do período menstrual.

Como interpretar o resultado do teste de farmácia

É muito simples: se a mistura produzir dois risquinhos paralelos, então você pode estar grávida. Se só formar um risco, o resultado é negativo. Se o resultado produziu dois riscos, mas o segundo risco ficou mais fraco, significa que pode ser que esteja grávida, mas com menos concentração de hCG na urina. O ideal é repetir o teste após alguns dias.

Os risquinhos devem ser bem demarcados e só são definitivos após 10 minutos. Se aparecerem manchas ou qualquer resultado incomum, repita o teste ou vá a um posto de saúde próximo à sua casa para fazer um exame de sangue.

Testes de gravidez caseiros falsos

Na web, existem diversas dicas de testes de gravidez caseiros que, na verdade, só servem para deixar a pessoa que o faz mais preocupada. A verdade é que as reações apresentam resultados negativos e positivos aleatoriamente, podendo inclusive indicar um resultado positivo para um homem, o que é humanamente impossível.

Conheça alguns testes de gravidez caseiros que não vão te ajudar em nada a descobrir se está grávida ou não e entenda por que não funcionam.

Teste de gravidez com cloro

Consiste em misturar a urina com o cloro em um recipiente. Se a solução borbulhar ou mudar de cor, o resultado do teste é positivo.

Por que não funciona

A urina reage com o cloro e produz gases tóxicas, como o cloreto de nitrogênio. A mudança na cor do cloro e as borbulhas são um efeito dessa reação que não tem associação alguma com a presença ou ausência do hormônio hCG na urina.

Apenas a título de curiosidade, você já sentiu ardência nos olhos quando estava numa piscina? Não é porque elas têm excesso de cloro, mas sim porque estão contaminadas com grandes quantidades de suor e urina que se misturam com o cloro da piscina e causam esses gases tóxicos que mencionamos.

Mito ou verdade?

Mito. O teste de gravidez caseiro com cloro não apenas não funciona, como também produz gases tóxicos.

Teste de gravidez com pasta de dente

Em um recipiente de vidro limpo, misture urina com uma pequena quantidade de pasta de dente branca. Se, depois de 2 minutos a pasta ficar azul ou começar a borbulhar, o resultado é positivo.

O teste da pasta de dentes parece ter uma metodologia mais eficaz do que o teste de gravidez caseiro com cloro. Porém, essa mudança de cor não acontece na maioria dos casos, inclusive quando a mulher está grávida.

A espuma não indica gravidez, é apenas um resultado da mistura das substâncias alcalinas da pasta de dente com os ácidos presentes na urina – os ácidos da urina reagem com o carbonato de cálcio das pastas de dente, e isso origina as bolhas e a espuma.

Algumas pastas de dente contêm também o lauril-éter-sulfato, uma substância que favorece a produção de espuma. Em suma, quanto mais alcalina for a pasta e mais ácida for a urina, maior a chance de ocorrerem reações.

Mito ou verdade?

Mito. O teste de gravidez caseiro com pasta de dente não funciona. Os resultados positivos ou negativos são produzidos ao acaso dependendo da composição da pasta e da acidez da urina.

Teste da urina fervida

É um teste simples que consiste em ferver a urina em uma panela de alumínio. Se ferver como o leite, criando nata, o resultado é positivo. Se ferver como a água, negativo.

Por que não funciona

Diferentemente da água, basicamente composta por H2O com mínimas quantidades de sais minerais, a urina é um líquido rico em vários elementos químicos com substâncias que evaporam em diferentes temperaturas – a água, por outro lado, vaporiza a uma temperatura determinada.

A urina só evapora inteira ao mesmo tempo se estiver muito diluída, ou seja, só se comportará como a água se a pessoa tiver tomado muita água. Consequentemente, o resultado do teste acaba dando positivo tanto para mulheres não grávidas como para os homens.

Mito ou verdade?

Mito. O teste de gravidez caseiro da urina fervida não funciona e dá positivo na maioria das vezes, incluindo para os homens.

Teste de gravidez com vinagre

O teste é feito misturando urina com vinagre em um recipiente limpo. Se a solução mudar de cor ou produzir espuma, o teste é positivo. Se não mudar de cor, negativo.

O vinagre é composto por ácido acético, um ácido fraco. A urina é uma substância meio ácida. Em geral, a mistura dessas duas substâncias não é capaz de produzir nenhuma reação além da mudança de cor, o que ocorre porque o vinagre tem um tom diferente da urina.

Em alguns casos, a urina pode estar mais alcalina, o que favoreceria a ocorrência de reações com o ácido acético. Mesmo assim, a urina alcalina está mais relacionada com uma patologia do que com a presença ou ausência do hormônio hCG.

Mito ou verdade?

Mito. O teste de gravidez caseiro com vinagre não funciona.

Conclusão

Existem muitas outras versões de testes de gravidez caseiras: com Coca-Cola, com pimenta. Não precisamos destacar cada um deles porque, no geral, não têm embasamento científico nem prova de que funcionam.

A verdade é que a urina de uma mulher grávida, nos primeiros dias, é praticamente igual à de uma não gestante. O que difere é apenas a presença do hormônio hCG, que tem baixas concentrações nos primeiros dias. Até mesmo os testes de farmácia que têm embasamento científico podem falhar em 1% dos casos.

O exame de sangue é o método mais sensível para detectar a gravidez porque detecta quantidades muito pequenas de hCG no sangue. O melhor de tudo é que está disponível gratuitamente nos postos de saúde do SUS e existe a garantia de sigilo total para a paciente.

Mesmo aquelas que não têm um posto de saúde tão próximo à sua residência também podem comprar um teste de farmácia. Esse tipo de teste é barato, confiável e o resultado sai em minutos. Para se sentir mais segura, apenas confirme que o teste tem o registro na Anvisa antes de comprar – o selo deve estar na caixa.

Não há necessidade de usar produtos químicos e testes de gravidez caseiros que não funcionam. Nenhum deles funciona e, como visto, podem até fazer mal para você por conta dos vapores tóxicos que algumas reações químicas criam.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here